View Full Version : Torneio de corte - regras


Ferrari
11-06-2002, 04:48 PM
Caros amigos, estou colocando a nota sobre o torneio de corte:


SOCIEDADE BRASILEIRA DE CUTELEIROS

I TORNEIO SBC DE CORTE

REGULAMENTO

1. FINALIDADE
Congra?amento da comunidade cuteleira e estabelecimento de par?metros de avalia??o para futuras competi??es.

2. DATA: dia 30 de novembro de 2002, ?s 16:00 Hs, durante o S?o Paulo Knife Show 2002.

3. OBJETIVOS
 Demonstrar ao p?blico a potencialidade das facas artesanais.
 Verificar as melhores configura??es de l?minas e t?cnicas de corte, a fim de serem aplicadas como ensinamento aos cuteleiros pertencentes ? SBC.
 Melhoramento t?cnico das l?minas confeccionadas pelos membros da SBC.

4. CONDI??ES DE EXECU??O

4.1 ? organiza??o e arbitragem: as provas ser?o organizadas pelos cuteleiros Ricardo Vilar e Francisco J. Ferrari. Se durante o torneio algum cuteleiro membro da SBC n?o estiver participando das provas, este poder? auxiliar na arbitragem.

4.2 ? participantes: Somente os cuteleiros expositores do SPKS poder?o participar do torneio. Haver? uma taxa para sanar as despesas ocorridas para a realiza??o do evento, que ser? divulgada oportunamente.

4.3 ? faca ? a faca deve ser confeccionada pelo pr?prio competidor, sendo que n?o ? permitido competir com faca confeccionada por terceiros. A faca dever? Ter no m?ximo 10? de l?mina e 15? ? de comprimento total. ? obrigat?rio a presen?a de no m?nimo um pino que transpasse as talas da empunhadura. ? obrigat?rio tamb?m a presen?a de um furo ou passante para um cordel de seguran?a, que dever? ser preso ao pulso do competidor.

4.4 ? afia??o ? antes das provas o competidor poder? afiar do jeito que quiser sua faca, por?m ap?s a 1? prova ter sido completada pelo competidor, este n?o poder? mais utilizar qualquer m?todo abrasivo como chairas, pedras, couro, massa de polimento, etc. ? permitido o assentamento do micro fio da l?mina, tal como passar o fio na m?o ou utilizar a cal?a para este fim.

4.5 ? desclassifica??o ? a desclassifica??o do competidor ocorrer? nas seguintes circunt?ncias:
 A n?o realiza??o de uma prova, conforme o pedido do ?rbitro, que ser? feito ao competidor.
 A quebra da l?mina durante a realiza??o de uma prova.
 A quebra do fio da l?mina, criando dentes na mesma.
 Quando ocorrer o tombamento do fio.
 Ficar provado que a faca n?o foi confeccionada pelo cuteleiro que est? competindo.

4.6 ? provas ? as provas n?o ser?o divulgadas at? a hora da competi??o. O cuteleiro antes do come?o das provas, se encaminhar? aos ?rbitros, que efetuar?o a medi??o da faca. Tamb?m passar? o nome da faca e sua caracter?sticas, se assim o desejar.
Todas as provas ser?o pontuadas, sendo 10 pontos para o 1? colocado, 5 pontos para o 2? e 3 pontos para o 3? colocado. Podem existir alguma prova que o competidor ser? obrigado a passar para que continue na competi??o.

Tatu?, SP, 5 de novembro de 2002.
_________________________
IVAN DE ALMEIDA CAMPOS
Presidente da SBC
________________________
RICARDO VILAR
Organizador
________________________
FRANCISCO JOS? FERRARI
Organizador

Jeff Velasco
11-06-2002, 08:20 PM
Gostaria de dar a id?ia de que, pelo menos como come?o de idealiza??o, as provas desta competi??o sejam tamb?m avaliadas como poss?veis testes de qualquer futura certifica??o que possa ser fornecida pela SBC, nos moldes dos t?tulos de "Journeyman" e "Master Bladesmith". Assim podemos ir fazendo uma cr?tica, n?o s? a nossas facas, quanto aos m?todos de avalia??o poss?veis, para que isso promova (quando a necessidade de tais certifica??es vier, e se vier) o aumento da qualidade da cutelaria artesanal em geral. O que voc?s acham?

Ferrari
11-08-2002, 11:00 AM
Caros amigos, eu o e Vilar necessitamos da confirma??o dos cuteleiros que desejam participar do torneio, para podermos comprar o material necess?rio.

Caro Jeff, por enquanto o torneio n?o servir? como avalia??o para certifica??o, sendo que a id?ia da SBC ? fazer uma avalia??o de certifica??o individual para o cuteleiro, assim como acontece com a ABS.

Jeff Velasco
11-08-2002, 01:46 PM
Disso eu j? estava a par sargento! O que eu quis dizer ? que as provas em si ser?o testadas como m?todo de avalia??o j? que v?rias facas ser?o testadas ao mesmo tempo. Assim sendo, os resultados deste torneio podem inspirar a formata??o das provas de avalia??o para certifica??o. Claro que cada avalia??o ser? feita individualmente, como na ABS.